Publicado por: Alba Bloechliger | 02/08/2009

JESUS, o caminho para o céu.

Tanto a Bíblia como a experiência nos lembram de que a morte é certa.

 (Hebreus 9:27).

“E, assim como aos homens está ordenado morrerem uma só vez, vindo, depois disto, o juízo…”

O julgamento acontecerá quando Jesus voltar, e ele o descreveu:

(Mateus 25:31-33).

“Quando vier o Filho do homem na sua majestade e todos os anjos com ele, então, se assentará no trono da sua glória; e todas as nações serão reunidas em sua presença, e ele separará uns dos outros, como o pastor separa dos cabritos as ovelhas; e porá as ovelhas à sua direita, mas os cabritos, à esquerda”

Estes dois grupos irão para destinos muito diferentes.

O Inferno

As seguintes palavras descrevem o destino daqueles da esquerda.

 (Mateus 25:41).

“Então, o Rei dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o diabo e seus anjos”

(Marcos 9:47-48).

“…é melhor entrares no reino de Deus com um só dos teus olhos do que, tendo os dois, seres lançado no inferno, onde não lhes morre o verme, nem o fogo se apaga”

(Apocalipse 21:8).

“Quanto, porém, aos covardes, aos incrédulos, aos abomináveis, aos assassinos, aos impuros, aos feiticeiros, aos idólatras e a todos os mentirosos, a parte que lhes cabe será no lago que arde com fogo e enxofre, a saber, a segunda morte”

 (Efésios 5:6).

“Ninguém vos engane com palavras vãs; porque, por essas cousas, vem a ira de Deus sobre os filhos da desobediência”

O aviso deste último versículo é apropriado ao nosso tempo. Para nossa geração, o inferno é uma brincadeira, considerado nada mais do que uma imprecação inofensiva. Mesmo entre aqueles que se dizem cristãos, há muitos que insistem que Deus é “bom demais” para mandar os homens para o inferno. Questionar a existência do inferno é, contudo, questionar a bondade de Deus, pois Deus é também bom demais para mentir. Jesus disse: “E irão estes para o castigo eterno” (Mateus 25:46).

Quem crê em Jesus tem que acreditar que isto é verdade. O caminho para o inferno é fácil e popular.

(Mateus 7:13).

“Larga é a porta, e espaçoso, o caminho que conduz para a perdição, e são muitos os que entram por ela”

Não se tem que fazer perversidades para ir para o inferno. Pode-se ir para o inferno ao deixar de entrar no caminho do céu. A Bíblia descreve o fim do mundo, quando: “…do céu se manifestar o Senhor Jesus com os anjos do seu poder, em chama de fogo, tomando vingança contra os que não conhecem a Deus e contra os que não obedecem ao evangelho de nosso Senhor Jesus. Estes sofrerão penalidade de eterna destruição, banidos da face do Senhor e da glória do seu poder” (2 Tessalonicenses 1:7-9).

O Céu

O homem não foi criado para passar a eternidade no inferno, mas para andar com Deus no paraíso (Gênesis 2:7-9). Quando o homem perdeu seu lar no Éden, pelo pecado, Deus iniciou um plano de redenção pelo qual ele pode ser perdoado e gozar um lar que é ainda melhor do que o Éden.

Ao apóstolo João foi dada uma visão deste novo paraíso:

(Apocalipse 21:2-4).

“Vi também a cidade santa, a nova Jerusalém, que descia do céu, da parte de Deus, ataviada como noiva adornada para o seu esposo. Então ouvi grande voz vindo do trono dizendo: Eis o tabernáculo de Deus com os homens. Deus habitará com eles. Eles serão povos de Deus, e Deus mesmo estará com eles. E lhes enxugará dos olhos toda lágrima, e a morte já não existirá, já não haverá luto, nem pranto, nem dor, porque as primeiras cousas passaram”

Este é o paraíso ao qual o Rei convidará aqueles que estão à sua direita, dizendo:

 (Mateus 25:34).

“Vinde, benditos de meu Pai! Entrai na posse do reino que vos está preparado desde a fundação do mundo”

Mas o triste fato é que poucos entrarão neste paraíso celestial.

 (Mateus 7:14).

“Porque estreita é a porta, e apertado, o caminho que conduz para a vida, e são poucos os que acertam com ela”

Jesus é o Caminho

Aqueles que entrarão no descanso celestial depois do julgamento são aqueles que morrem em Jesus, porque ele é O CAMINHO.

(Apocalipse 14:13).

“Então, ouvi uma voz do céu, dizendo: Escreve: Bem-aventurado os mortos que, desde agora, morrem no Senhor. Sim, diz o Espírito, para que descansem das suas fadigas, pois as suas obras os acompanham”

Se desejarmos estar entre os que morrem no Senhor, temos que estabelecer essa relação com ele enquanto vivemos. Isto não é realizado apenas por chamá-lo de “Senhor”, mas obedecendo a vontade de Deus conforme revelada através do Senhor. Ele nos exortou:

(Mateus 7:21).

Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas quele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus”

Já aprendemos que a vontade do Pai para aqueles que crêem em Jesus é que eles se arrependam de seus pecados e sejam batizados em Cristo.

(Gálatas 3:27).

“Porque todos quantos fostes batizados em Cristo de Cristo vos revestistes”

(Apocalipse 22:14).

“Bem-aventurados aqueles que lavam as suas vestiduras [no sangue do Cordeiro], para que lhes assista o direito à árvore da vida, e entrem na cidade pelas portas”

Tendo sido batizados em Cristo e vivendo como ele determina, podemos ter certeza que estamos no caminho para o céu. Se não estamos em Cristo, não estamos no caminho, pois, como o texto desta série nos assegura, ele é o único caminho.

por Karl Hennecke e Dennis Allan

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: