Publicado por: Alba Bloechliger | 04/09/2009

Por que Jesus lavou os pés dos apóstolos?

Poucas horas antes de sua morte, Jesus se reuniu com os apóstolos para participar da Páscoa. Ele sabia que estaria deixando estes companheiros para cumprir a sua missão na cruz e, logo depois, voltar ao Pai. Com certeza, ele queria aproveitar ao máximo estas últimas horas. Depois de três anos de trabalho com estes homens, que tipo de mensagem ele destacaria? Poderíamos imaginar estudos intensivos sobre doutrinas principais, ou eloqüentes discursos sobre a natureza e o caráter de Deus. Tais assuntos são importantes, e parecem tópicos dignos das últimas horas do Mestre.

Os apóstolos se reclinaram à mesa para participar da ceia quando Jesus se levantou, pegou água e uma toalha, e começou a lavar os pés deles (leia o relato em João 13). Com tantas coisas importantes que poderia falar, Jesus tomou tempo para lavar os pés dos discípulos? Por quê?

Algumas pessoas têm usado este trecho para incluir uma cerimônia de lavagem de pés no culto da igreja. Além do fato que jamais encontramos tal prática nas reuniões das igrejas primitivas, tal abordagem ritua-lista perde o significado mais profundo do ato de Jesus. Nesta ocasião, Jesus ensinou, pelo menos, duas lições importantes:

Œ A purificação para ter comunhão com ele. Quando ele chegou a Pedro, este recusou a lavagem de pés (compare a atitude dele com a humildade de João Batista quando pediu que Jesus o batizasseB Mateus 3:13-14). Mas, quando Jesus falou que precisava ser lavado para participar dele, Pedro mudou de idéia: Senhor, não somente os pés, mas também as mãos e a cabeça” (João 13:9). Se precisava de purificação para estar em comunhão com Cristo, Pedro não queria arriscar a rejeição pelo Senhor. Jesus explicou que só precisava lavar o que ainda estivesse sujo. Assim ele comentou sobre o grupo dos apóstolos. A maioria já estava purifica-da, mas nem todos. Judas Iscariotes não manteria comunhão com Cristo porque seu coração foi dominado por Satanás. Sem a santificação, ninguém verá o Senhor” (Hebreus 12:14).

 A humildade para servir. Depois de lavar os pés dos discípulos, Jesus disse: Ora, se eu, sendo o Senhor e o Mestre, vos lavei os pés, também vós deveis lavar os pés uns dos outros. Porque eu vos dei o exemplo, para que, como eu vos fiz, façais vós também. Em verdade, em verdade vos digo que o servo não é maior do que seu senhor, nem o enviado, maior do que aquele que o enviou” (João 13:14-16). Jesus se esvaziou, deixando a glória do céu, para servir aos homens (Filipenses 2:5-8). Ele mostrou que nós devemos nos humilhar para servir aos outros. Como ele lavou os pés, nós devemos procurar oportunidades para humildemente servir uns aos outros.

-por Dennis Allan

Anúncios

Responses

  1. Pense na diferença entre uma parábola e uma instrução direta e veja que o trecho citado não é uma parábola.

  2. “Por que lhes falas por parábolas?” (Mateus 13:10; Marcos 4:10).

    Mateus diz que Jesus falava por parábolas em cumprimento da profecia: “Abrirei os lábios em parábolas e publicarei enigmas dos tempos antigos” (Mateus 13:34-35; Salmo 78:2). O propósito das parábolas era revelar as verdades ocultas do reino de Deus, porém não a todos. Ao coração honesto, estas histórias ilustrativas trariam mais luz mas, aos orgulhosos e rebeldes, elas criariam mais confusão (Mateus 13:11-17). Esse é o significado da declaração de Jesus que “Porque a vós outros é dado conhecer os mistérios do reino dos céus, mas àqueles não lhes é isso concedido” (Mateus 13:11).

    “o coração deste povo está endurecido, de mau grado ouviram com os ouvidos, e fecharam os olhos;” (Mateus 13:15).

    Se não soubermos interpretar seus ensinamentos sairemos destruindo todas as árvores que não dão frutos,concorda?

  3. “Ora, se eu, sendo o Senhor e o Mestre, vos lavei os pés, também vós deveis lavar os pés uns dos outros. Porque eu vos dei o exemplo, para que, como eu vos fiz, façais vós também.”

    Não entendi. O que você fez mesmo com a instrução direta que o SENHOR JESUS CRISTO deu?
    Você acha mesmo que há alguém inteligente o bastante para “interpretar” uma instrução tão direta como esta, feita pelo Criador?
    Será mesmo que o nosso Criador, o Criador de todas as coisas, que sustém a terra, o sol e a lua no espaço num movimento com precisão de segundos há milênios, precisa de um intérprete numa instrução tão direta?
    Pois eu digo, se qualquer um conseguir fazer exatamente o que Ele instruiu, pode se sentir muito feliz, porque certamente estará honrando ao SENHOR JESUS CRISTO e assim será honrado por DEUS Pai.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: